O Jantar – Herman Koch

LIVRO: O JANTAR
AUTOR: HERMAN KOCH
EDITORA: INTRÍNSECA
GÊNERO: DRAMA/ ROMANCE HOLANDÊS
ANO DE PUBLICAÇÃO: 2013 (Brasil)
ISBN: 978-85-8057-418-0
Nº DE PAGINAS: 254
AVALIAÇÃO: 4/5

  Olá galera, beleza!? Hoje vim falar do livro O Jantar de Herman Koch, publicado no Brasil pela editora Intrínseca. É um thriller psicológico, que envolve problemas de família, a relação de pai e filho, filho e Mãe e por aí vai. E a diferença em como pessoas do mesmo ciclo familiar, veem a maneira de criar seus filhos.

   Paul Lohman é casado com Claire, têm um filho adolescente chamado Michael. Paul marca um jantar em um restaurante, para encontrar com seu irmão Serge Lohman, um político muito famoso e respeitado na cidade, e sua cunhada Babette, que também têm um filho adolescente chamado Rick. O jantar começa tranquilo com sorrisos falsos, conversas desnecessárias, Serge se mostrando simpático o tempo todo, tudo para fugir do verdadeiro assunto de que vieram tratar.

   O livro é dividido em APERITIVO, ENTRADA, PRATO PRINCIPAL, SOBREMESA e DIGESTIVO. Conforme eles, os pais, vão avançando no jantar eles começam a debater sobre o único assunto que os fizeram se reunir nesse jantar. Seus Filhos!Os meninos fizeram algo horrível (HORRÍVEL MESMO), um dos garotos não consegue viver com a culpa enquanto o outro só quer continuar a vida como se nada tivesse acontecido. Serge o pai de Rick tem medo de a notícia vir à tona e destruir sua carreira na política.

  A história é narrada em partes, flui devagar no começo, e quando chega ao PRATO PRINCIPAL, à conversa que tanto evitam vem à tona. O que seus filhos fizeram é realmente terrível (não vou falar o que é por ser Spoiler). Mas, além disso, são revelados outros segredos de cada membro da família, o que deixa a história ainda mais interessante.

   O livro é narrado em primeira pessoa, pelo Paul, então só temos a visão dele na história, o que torna difícil saber se podemos ou não confiar em suas palavras, ou se tudo que ele diz é apenas por inveja do irmão, se é realmente o lado certo da história, em determinado momento começamos a duvidar das atitudes de Paul. E ele vai descobrir coisas horríveis que sua família esconde dele.

   O Jantar é uma história dramática. Em alguns momentos você para de ler, e pensa “Eu tô lendo isso? Não acredito que ele fez isso” ou “o que leva o ser humano a fazer isso?”. Mas até ser revelada a atrocidade cometida pelos meninos, o livro é bem devagar. Se você gosta de livros com ação, muita coisa acontecendo ao mesmo tempo, e tal, esse livro não é indicado pra voce. Ele é um livro muito dramático, que relata fatos interessantes na vida familiar, é um livro lento, mas com uma história profunda, e que te faz pensar, o tempo todo, em até que ponto nós podemos encobrir os erros de nossos filhos? E se fosse com seu filho o que você faria?

  Recomendo a leitura de O Jantar, é um livro muito complexo, um pouco difícil de ligar os fatos para entender tudo, fiquei um pouco confusa em algumas partes. No final você fica muito pensativo sobre o desfecho da história, pois não é apenas a atrocidade dos filhos, outros fatos acontecem que te deixam de boca aberta.  Apesar de ser um livro com um enredo diferente, que nem muitos irão gostar, eu achei a história legal e como eu disse muito diferente de tudo que tinha lido. Não dei 5 estrelas, pois me falaram tanto desse livro que achei que iria ser mais impactante. Mas vale a pena!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s